Tons de pele: quais existem e como descobrir o seu?

Tons de pele: quais existem e como descobrir o seu?

Atualizado em Feb 3, 2022 2 comentários CIÊNCIA
Tempo de leitura: 4 minutos

Quem nunca foi em uma loja de maquiagem e passou muito tempo tentando escolher a cor certa de base para combinar com seu rosto? Isso é porque existem diversos subtons e tons de pele.

Principalmente no Brasil, um país tão diversificado, a tonalidade de pele varia muito. Por isso, descobrir a sua pode ser difícil. Pensando nisso, trouxemos este texto explicando os seis diferentes tons de pele e como você pode fazer para descobrir o seu. Confira:

O que são tons de pele?

O tom refere-se à altura da cor que a pele de determinada pessoa possui. Isso pode variar de acordo com diversos fatores, mas a pigmentação do corpo está ligada diretamente à quantidade de melanina sem interferência da radiação solar.

Agora, quando falamos de cor facultativa, ou seja, aquela cor que muda de acordo com o bronzeado, ela pode ser induzida por produtos ou pela exposição solar. Aqui, lembramos que a quantidade de melanina interfere na resistência da pele à radiação ultravioleta.

O que é subtom?

Além de tons, podemos categorizar a superfície do corpo a partir de subtons, que representam a cor de fundo de cada pessoa. Em outras palavras, eles definem se a pessoa tem a pele amarelada, neutra, esverdeada, azulada ou outros. Os principais subtons são:

  • Frio: puxado para o azul;
  • Neutro: equilíbrio entre azul, amarelo e vermelho;
  • Quente: puxado para o amarelo;
  • Oliva: uma mistura entre amarelo e azul.

Conheça os seis diferentes tons de pele

É quase impossível categorizar todos os tons de pele que existem, mas a classificação mais famosa que existe é a do médico norte-americano Fitzpatrick, dividida em seis fototipos.

Aqui, esses diferentes tons de pele variam de acordo com a quantidade de melanina presente, a capacidade de bronzeamento (dourar) e queimar (avermelhar-se quando é exposta ao sol). Os seis tons de Fitzpatrick são:

Pele extremamente branca

Este tipo é caracterizado por ser extremamente branco, quase cor de neve, muito sensível à radiação solar e apresentar sardas. A pessoa que o possui nunca se bronzeia, apenas se queima, por isso deve dar atenção redobrada à proteção solar.

Pele branca

Já a pele branca não necessariamente é menos clara que a extremamente branca, mas é capaz de se bronzear, mesmo que lentamente. Ainda assim, por também terem menos melanina, pessoas com pele branca devem tomar cuidado quando estão expostas à radiação solar.

Pele morena clara

Quando falamos de pele morena clara, ela é um pouco mais escura que a branca ou a extremamente branca, por isso apresenta uma resistência maior ao sol. No Brasil, esse é um dos tons de pele branca mais populares.

mulheres com diferentes tons de pele.

Apesar de ser mais resistente ao sol, pessoas de pele morena clara também devem se proteger, pois podem se queimar. Se você não sabe a maneira correta de passar protetor solar, aprenda em nosso blog.

Pele morena

A pele morena é um tom acima da morena clara, por isso é mais resistente aos impactos da radiação solar (mas não é por isso que não deve usar filtro solar). Diferentemente dos tons de pele anteriores, ela se bronzeia com mais facilidade em vez de se queimar.

Pele morena escura

A pele morena escura entra nos tons de pele negra. Quem tem esse tom raramente se queima e consegue pegar aquela marquinha de verão com facilidade. Apesar de serem pouco sensíveis ao sol, também devem usar filtro solar.

Pele negra

Por fim, o último tom na escala do Fitzpatrick é a pele negra, caracterizada por ser completamente pigmentada e rica em melanina. Sendo assim, ela possui uma proteção natural contra os raios solares.

Aqui, reforçamos o uso regular do protetor solar para evitar manchas, queimaduras e, principalmente, o câncer de pele. Para saber mais sobre o tumor mais incidente no Brasil, confira o nosso artigo.

Como descobrir o seu tom de pele?

Com tantos tons de pele, pode ser difícil identificar o seu. Para determinar o seu fototipo exato, é recomendado ir a um dermatologista. Ele pode avaliar a cor dos seus olhos, do seu cabelo, do seu rosto, antes e depois de bronzear, a quantidade de sardas e muitos outros fatores.

Contudo, existe uma maneira mais fácil e rápida de chegar a essa conclusão: aplique uma gota de base na região entre a orelha e o canto da boca e espalhe bem, o tom que ficar mais harmonioso no seu rosto é o seu tipo de tom.

Damos ênfase na região onde a base deve ser aplicada: entre a orelha e a boca. Afinal muitas pessoas caem no equívoco de passar a base no pulso ou no antebraço, regiões que costumam ser mais claras que o restante do corpo.

Descubra também o seu tipo de pele

Além de entender melhor sobre os tons de pele e até descobrir o seu, você pode fazer um quiz no nosso site e descobrir o seu tipo de pele (entre mista, oleosa, seca ou normal). Assim, você compra o produto que atende todas as suas necessidades.

garanta o seu creamy, clique aqui!
(Visited 2.983 times, 9 visits today)

compartilhe esse conteúdo:

Creamy

comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

2 Comentários

Andreia Lara 01/04/2022

Minha pele e branca mas vai para o tom amarelado ou dourado …geralmente uso base bege clara que mais se asemelha a minha pele .Mas já usei base mais escura ,mais,clara e muito difícil escolher hoje estou bem satisfeita .

Carolinne Moraes 19/04/2022

Oi, Andreia!
Autoconhecimento é tudo. 🥰 Esperamos que continue acompanhando os artigos do Creamy Blog. 😘

Copyright © Creamy 2022. Todos os direitos reservados. Todas as marcas e suas imagens são de propriedade de seus respectivos donos. É vedada a reprodução, total ou parcial, de qualquer conteúdo sem expressa autorização.
#